Sesau conclui capacitação de servidores da saúde para melhorar elaboração de Termos de Referência em licitações

No total, 223 servidores de vÁrias unidades de saúde receberam treinamento sobre elaboração de termos de referência em licitações

Porto Velho, RO - A Secretaria de Estado da Saúde – Sesau realizou na quarta-feira (18), o último módulo da capacitação de servidores da saúde para elaboração de Termos de Referência para processos de licitação. O evento contou com a colaboração da Controladoria Geral do Estado de Rondônia – CGE e Superintendência Estadual de Licitações – Supel. No total, em dois dias, 223 servidores de várias unidades receberam treinamento.

Na ocasião foram explorados assuntos como cotação de preços e formas de montar um processo de licitação. Já no primeiro dia foi discutido como o termo de referência precisa ser claro e preciso; leis de licitação, quais seus objetivos, procedimentos que precisam ser realizados e a justificativa para solicitar compras de materiais ou contratação de serviços às unidades de saúde.

A servidora da Fhemeron, Erica Bentes, contou a experiência que teve nos dois dias de qualificação. “Eu estou trabalhando na parte administrativa e nessa área é muito importante que saibamos como montar um termo de referência. Quando comecei a trabalhar com processos, encontrei muitos erros, então comecei a estudar sobre o assunto e esse curso é extremamente essencial para melhorar a criação dos nossos termos”, disse Erica.

Além da servidora, outro profissional que esteve presente no evento foi, Fernando Gonçalves da Coordenadoria do Fundo Estadual de Saúde, que explicou a importância do projeto. “As pessoas que ministraram esse curso são referências para nós, pois têm conhecimento e domínio sobre o assunto. O ponto mais importante disso tudo é que a nova gestão da Sesau se preocupa em capacitar seus técnicos para realizar as compras dos materiais com mais qualidade e agilidade, de forma que atenda os pacientes das nossas unidades. Eu espero que novos cursos como esses sejam realizados”
Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem