Detran Rondônia promove ação “Duas Rodas, Uma só Vida” em Nova Mamoré

 


O Governo de Rondônia, por meio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) realizou na terça-feira (14) a ação, “Duas Rodas, Uma só Vida”, na cidade de Nova Mamoré. O trabalho vem sendo realizado em todos os municípios do Estado e tem como objetivo orientar motociclistas, quanto ao uso dos equipamentos de segurança e também averiguar se são habilitados, tendo em vista que os condutores de motos, segundo estatísticas da autarquia, são as maiores vítimas de acidentes e mortes no trânsito.

O diretor técnico de Fiscalização e Ações de Trânsito (Dtfat), Welton Roney Nunes Ribeiro, ressalta que o projeto “Duas Rodas, Uma só Vida” busca orientar e conscientizar o condutor de motocicleta como deve agir na condução do veículo, a chamada direção defensiva. Ao ser abordado na fiscalização, o motociclista é convidado a assistir um vídeo de cinco minutos que mostra vários acidentes de trânsito e como poderiam ser evitados. “É uma forma de impactar o cidadão, pois aquele fato [se refere ao vídeo] pode ocorrer com qualquer pessoa que faz uso de motocicleta e que não faz a coisa certa no trânsito”, afirma Welton Ribeiro.

A imprudência aliada ao excesso de velocidade, são as principais causas de sinistros no trânsito. Os dados são da Coordenadoria de Registros de Estatística e Acidentes de Trânsito (Renaest) do Detran. Os dados mostram que no ano de 2020, foi registrada a redução de 21,38% no número de acidentes se comparado a 2019, caindo de 14.080 para 11.380. Entretanto o número de mortes teve um aumento considerável em comparação ao mesmo período, de 378 em 2019, e 417 mortes em 2020.

No que se refere a acidentes de trânsito, os motociclistas e os passageiros são as maiores vítimas. Em 2019, segundo o Renaest, foram registrados 13.702 sinistros de trânsito, dos quais 10.932 envolvendo de motocicletas. Deste total, 1.749 eram condutores e 9.183 passageiros. Em 2020 foram registrados 11.380 acidentes, envolvendo 8.607 motociclistas, sendo 7.346 condutores e 1.261 passageiros.

Diante da realidade de risco vivida pelos motociclistas no dia a dia nas vias públicas, reforçada pelas estatísticas apresentadas, é que o Detran encampa esta ação objetivando a mudança na atitude provocada por um ação de conscientização.

Postar um comentário

0 Comentários