Vaza áudio prefeito de Cacoal com ameaças aos vereadores de culpabilidades por paralização de alguns setores da prefeitura

Fúria manda guardar máquinas da agricultura, obras e promete suspender atendimento do hospital PAM e Pronto Socorro Infantil e tenta colocar culpa nos Vereadores de Cacoal.

Porto Velho, RO - O prefeito de Cacoal tem a péssima mania de agir como aqueles pequenos coronéis da época da Velha República. Mesmo assim, muitas pessoas lá pelas bandas da Capital do café, na região central de Rondônia, gostam de falar do jovem prefeito como se fosse um ídolo. Não é! Trata-se apenas de um jovem bravateiro que durante a campanha dizia, segundo moradores de Cacoal, que o município não precisava de nenhum deputado e ele sendo eleito resolveria todos os problemas do município.

Nos primeiros meses deste ano, ele foi a um programa de TV no município e disse com todas as letras que ele era a pessoa que tinha que resolver tudo na cidade. Saúde, Educação, linhas rurais, limpeza de ruas, asfalto. Tudo era ele que resolvia sozinho. Certamente as pessoas que gostam de salvar esses arquivos ainda devem ter essas declarações do prefeito bravateiro, mas para aqueles que esqueceram, basta buscar no Google o vídeo aqui na matéria.

Agora, com um ano e meio de mandato ele lembrou que na cidade existe uma câmara municipal e enviou um áudio ameaçando os vereadores e dizendo que vai jogar a população contra o legislativo. No áudio ele diz que vai recolher todas as máquinas da agricultura e obras, que vai parar os atendimentos nas unidades de saúde e que vai mandar as pessoas procurarem os vereadores. Essa conduta do prefeito pode causar sérios prejuízos à população, porque a Câmara de Cacoal encontra-se em período de recesso e volta aos trabalhos apenas no início de agosto.

Em contato com a Câmara de Cacoal, recebemos a informação de que nenhum projeto de autoria do Poder Executivo para o setor rural chegou ao legislativo, razão pela qual não há justificativa para o chilique do jovem prefeito cacoalense. Com relação ao setor de saúde, os projetos foram encaminhados por ele no mesmo dia em que gravou o áudio fazendo as ameaças e nem mesmo o Conselho de Saúde do Município tem conhecimento de tais projetos.

Um membro do Conselho de Saúde do Município, informou, sob a condição de anonimato, que o prefeito tem atropelado o CMS e que tenta fazer tudo ao seu modo, como se fosse mesmo um coronel. “Durante a campanha, o prefeito dizia que não precisava de projetos para tocar a cidade. Agora atropela tudo como se fosse sua casa”, lembrou o conselheiro. Membros do CMS de Cacoal também informaram que o prefeito sequer cadastrou as unidades de saúde do município para receberem recursos estaduais ou federais, situação que é calamitosa. Até este momento, não sabemos se o presidente da Câmara de Cacoal já foi informado sobre as ameaças do prefeito e que medidas pode adotar.

Veja o Áudio.






Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem