Agevisa realiza testagem rápida e auto teste do HIV em comunidades do município de São Francisco do Guaporé

Em Porto Murtinho, distrito de São Miguel do Guaporé, as equipe de técnicos fizeram visitas às casas com aplicação de testes e orientações

Porto Velho, RO - O trabalho da Agência Estadual de Vigilância em Saúde – Agevisa em parceria com a Associação Beradeiro na região do Vale do Guaporé foi concluído com ações no distrito de Porto Murtinho e no quilombola Pedras Negras, município de São Francisco. Foram disponibilizados para cerca de 200 famílias, ações de testagem rápida e auto teste para HIV, Sífilis, Hepatites B e C; e a oferta de insumos de prevenção e rastreamento das Infecções Sexualmente Transmissíveis – ISTs.

O trabalho realizado nas regiões tem como uma das estratégias utilizar metodologia composta por abordagens de educação entre pares para a oferta de ações de prevenção combinada dirigidas às populações.

A Agevisa por meio do Núcleo Estadual de IST/Aids e Hepatites Virais com a organização não governamental Associação Beradeiro, traçaram estratégias afim de desenvolver o projeto “Viva Melhor Sabendo” do Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das IST, do HIV/AIDS e das Hepatites Virais do Ministério da Saúde.

Costa Marques e São Francisco foram escolhidos para realização da estratégia de prevenção

O diretor da Agevisa, Gilvander Gregório de Lima, disse que a estratégia busca realizar ações de base comunitária de prevenção combinada a testagem, além da distribuição de preservativos. “Entre os serviços está também o encaminhamento ao Serviço de Atendimento Especializado – SAE em caso de testagem positiva e posterior atendimento multidisciplinar”, ressaltou.

TESTES HIV

A gerente da vigilância epidemiológica da Agevisa, Arlete Baldez, afirma que foi oferecida à população uma nova tecnologia para testagem rápida do HIV, o autoteste para HIV, que é ofertado pelo Sistema Único de Saúde (SUS), totalmente gratuito, e que o usuário pode “realizar no conforto de sua casa, sendo ele protagonista do seu cuidado”.

Os municípios de Costa Marques e São Francisco do Guaporé foram escolhidos para realização da estratégia de prevenção combinada, sendo realizadas ações nas residências das pessoas com oferta de testes rápidos, orientação e aconselhamento. “Mas estratégia também será realizada em todos os 52 municípios de Rondônia com o oferecimento de testagem rápida e demais ações de prevenção, buscando com isso interromper a cadeia de transmissão, principalmente, a vertical, cujo Brasil tem buscado a certificação junto a OMS”, disse a coordenadora da Núcleo Estadual de IST/Aids e Hepatites Virais.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem