Marcos Rogério reitera pré-candidatura ao governo, Fúria fica na prefeitura e promete avanços para Cacoal


Expectativa de senador assumir um ministério não se concretizou

Porto Velho, RO - O senador Marcos Rogério, presidente regional do PL, através de um vídeo que está circulando nas redes sociais, mais uma vez reitera sua pré-candidatura ao governo de Rondônia.

Na argumentação, ele sustenta a necessidade de ser candidato justamente em virtude da questão partidária, alegando ser um projeto de poder de âmbito nacional, encabeçado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, que precisa de governadores e parlamentares alinhados com sua política administrativa para fazer o país avançar.

O senador diz que Rondônia precisa de um governo que avance no mesmo ritmo com que a economia privada vem crescendo, e que – segundo ele – o descompasso atual precisa ser corrigido, fazendo com que a administração pública e o setor privado caminhem no mesmo ritmo, visando o desenvolvimento do Estado.

FÚRIA FICA NA PREFEITURA

Tido como espécie de “plano B” do grupo PSD/PL, em caso de desistência de Marcos Rogério, o prefeito Adailton Fúria ficará à frente do executivo municipal cacoalense.

Em entrevista ao Extra de Rondônia na manhã deste sábado, 2, Fúria explicou que existia a expectativa do senador assumir um ministério e que, caso a situação se confirmasse, ele (Fúria) seria o candidato do grupo PSD/PL. “Como não aconteceu essa situação, Marcos Rogério passa a ser o candidato ao governo de Rondônia”, esclarece.

O prefeito prometeu, para os próximos anos, grade avanços para Cacoal, através de obras de infraestrutura, expansão da rede de esgoto, melhoramento da distribuição de água, entre outros.

VÍDEO:


Fonte: Extra de Rondônia




Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem