ESQUERDA: G7 faz manifesto pelo resgate do Brasil e de Rondônia


Dirigentes de partidos de esquerda Cidadania, PCdoB, REDE, PSB, Solidariedade, PSOL e PT

Porto Velho, RO - Os partidos Cidadania, PCdoB, REDE, PSB, Solidariedade, PSOL e PT, que estão formando uma federação para disputar de forma unida as eleições de 2022, lançaram um manifesto por uma Rondônia próspera e sustentável. Os sete partidos devem lançar uma super nominata para deputado federal, além de candidatos ao Senado e ao governo de Rondônia.


Leia o manifesto do G7 na íntegra:

MANIFESTO DO CAMPO DEMOCRÁTICO
PELO RESGATE DO BRASIL E DE RONDÔNIA:
POR UMA RONDONIA PRÓSPERA E SUSTENTÁVEL


O Golpe de 2016, construído e manipulado a partir das manifestações de junho de 2013, promoveu, ao longo dos anos, um gigantesco atraso ético, moral, social, político, econômico e sanitário. Essa afirmação é fato e se sustenta na análise dos principais indicadores estatísticos.

A destruição de milhões de empregos, o empobrecimento do povo, o desmonte das grandes empresas da construção pesada, da indústria naval, da petroquímica, além do estrangulamento e encolhimento da Petrobrás (grande motor da economia nacional), tiraram o Brasil da invejável posição de sexta economia do mundo (dez.2011) para a 13ª (dez.2021).

Além disso, com argumentos absurdamente falsos (…de geração de empregos e renda para o povo brasileiro), aprovaram-se reformas de impactos terríveis na sociedade, na economia e na sustentabilidade da nação. A Reforma Previdenciária, a Reforma Trabalhista e o Teto de Gastos foram devastadores para o povo brasileiro ao aprofundar a recessão, concentrar renda nas mãos de poucos bilionários, ampliar o desemprego e empobrecer a nação.

Gostando-se ou não de Política, é ela (a política) que irá avaliar os erros cometidos e apresentar alternativas para retomarmos o caminho de recuperação do Brasil e de Rondônia. Essa reconstrução se dará, fundamentalmente, nos Estados, com a participação das pessoas, dentro do processo eleitoral de 2022.

Os Partidos Políticos Democráticos que hoje se unem não o fazem apenas pela questão da eleição do nome A ou B. A União deste Campo ocorre pela necessidade de superarmos o enorme atraso imposto ao Brasil, a partir de 2016, por conta do bolsonarismo e da massificação de ‘Fake News’.

Além da degradação social e ambiental, do negacionismo científico, da misoginia, do desemprego, da fome, do racismo, do desrespeito aos povos tradicionais, da violência institucionalizada, do sucateamento nas áreas da saúde, da pesquisa científica, das universidades, da educação básica, somos hoje, pela incompetência e pela bizarrice presidencial, um país pária no complexo panorama internacional.

A União Política em curso, no Estado de Rondônia, visa contribuir na superação do quadro atual, na luta conjunta pelo fim da fome, pelo emprego, pela renda, pela soberania nacional, pelo respeito a todos e todas.

Sendo assim, os Partidos CIDADANIA, PC do B, REDE, PSB, SOLIDARIEDADE, PSOL e PT.
acordam que o caminho para superarmos o retrocesso atual se assenta em dois pontos de partida comuns: a eleição de Lula e o forte apoio a um programa mínimo de reconstrução nacional, no qual a pauta nefasta neoliberal seja substituída por uma outra voltada aos verdadeiros interesses nacionais e de Rondônia.

Porto Velho, 10 fevereiro de 2022

Fonte: MAIS RO
Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem