Detran Rondônia alerta a população sobre o perigo de misturar bebida alcoólica e direção

O CTB estabelece como infração gravíssima dirigir sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa

Porto Velho, RO - No período de carnaval, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RO) alerta aos condutores de veículos sobre a importância de não misturar bebida alcoólica e direção.

O artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece como infração gravíssima dirigir sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa que determine dependência. “Com o objetivo de diminuir o número de acidentes de trânsito relacionados ao consumo de bebida alcoólica, o Detran-RO tem intensificado as ações da operação Lei Seca em todo Estado”, informou o diretor do Detran-RO, Paulo Higo Ferreira de Almeida.

Médico emergencialista no Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) em Porto Velho, Luciano Zago, explica que o uso de bebida alcoólica vai influenciar o corpo na parte sensorial e motora.

“Quando a pessoa ingere bebida alcoólica, alguns neuroreceptores serão alterados, deixando o indivíduo mais eufórico e descontraído, é aí que se perder o senso de limite. Alcoolizado, o ser humano tem diminuição de reflexos, da coordenação motora, algumas pessoas podem sentir sono e outras ficam mais excitadas, e todas têm a diminuição da capacidade neurológica, e isso pode ser um grande desastre no trânsito, já que se perde a percepção de lateralidade, de concentração, com reflexos reduzidos, o motorista vai demorar para reagir em caso de perigo”, alertou.

“Trabalhando no Samu, vejo com frequência que inúmeros acidentes são provocados por motoristas que estão sob efeito do álcool”- relatou Luciano Zago. No período do carnaval, isso fica mais evidente, já que as pessoas utilizam a bebida para se divertir”, pontuou.

O médico aconselha as pessoas que se protejam, respeitando seu corpo e as vidas de outras. “Todos podem se divertir, mas ao ingerir álcool e dirigir, você se torna um perigo em potencial. Procure se divertir, tentando trazer para sua vida coisas mais felizes, do que tristeza e mágoa, para aqueles que estão ao seu redor” – destacou.

Detran-RO intensifica as operações de fiscalização em combate a embriaguez ao volante

A enfermeira e diretora geral do Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro, Gabriele Gaspar, explica que consumo contínuo de álcool traz consequências graves, como doenças em todos os órgãos do corpo humano, em especial o estômago, o fígado, o coração e o cérebro.

“O álcool está ligado ao aparecimento de certas doenças como a cirrose e gastrite e também alteração na capacidade de raciocínio, falta de atenção, alteração na percepção e coordenação motora. Portanto, beber e dirigir não combinam. Além de colocar em perigo a sua vida e a vida de outras pessoas” – enfatizou Gabriele.

A diretora ainda destaca que nesse período de carnaval é muito importante redobrar cuidados em relação a nossa vida e também a vida das pessoas. “Respeitar a saúde é cuidar da nossa e da do próximo”, finalizou.

“Bebida e direção é uma prática proibida por lei por ser uma mistura extremamente perigosa. Sabemos que dirigir sob a influência de álcool é uma das principais causas de acidentes envolvendo vítimas no trânsito das cidades. É necessário que nossos motoristas sejam conscientes dos malefícios que o álcool pode causar no trânsito” – destacou o diretor Técnico de Fiscalização e Ações de Trânsito (Dtfat) do Detran, Welton Roney Nunes Ribeiro.

Com objetivo de garantir a segurança no trânsito durante o período de Carnaval, o Detran-RO e o Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran) de Porto Velho estão intensificando as operações de fiscalização.



Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem