Caos e má gestão na saúde de Cacoal


Serviços de manutenção de aparelhos de ar condicionado das unidades estão sendo realizados sem licitação

Porto Velho, RO - A saúde municipal de Cacoal está sem gestão. Essa é uma constatação óbvia, tendo em vista toda a crise que se instalou no Município em decorrência da pandemia, na qual Cacoal figurou como uma das cidades com os maiores números de casos, óbitos e também de denúncias por má administração de recursos.

Mas a má gestão não é somente na questão da COVID-19. O Município hoje está com problemas até parar fazer reparos nos aparelhos de ar condicionado das unidades. Pior ainda é o ´jeitinho´ que os gestores da saúde estão dando para acabar com o problema: fazer o conserto dos aparelhos sem licitação e sem empenhar o serviço.

O caso veio à tona  recentemente através de um áudio feito pela Coordenadora de Atenção Básica do Município, Aline dos Anjos, aos diretores de unidades que enfrentam o calor diário da falta dos aparelhos. No áudio, a coordenadora pede que os diretores façam uma lista apenas dos aparelhos que estão sem funcionar.

“(...) nós não temos empenho. Então eu vou fazer com o pessoal da empresa. Eles vão prestar o serviço e depois a gente vai abrir o empenho em cima do que realmente foi feito. Por hora não vamos fazer manutenção de ar, iremos fazer apenas resolver o problema daquele ar que não está funcionando (...)”, diz trecho do áudio.

Apesar de ser um problema pequeno comparado ao que a Saúde Municipal enfrenta hoje, executar serviços sem licitação e sem empenho, é improbidade. Levando em conta o custo de cada ar condicionado, a conta pode vir um pouco salgada, ainda mais em se tratando de utilização de recursos da saúde.

Uma denúncia foi feita à Câmara Municipal de Cacoal e está nas mãos do vereador Valdomiro Corá que irá apurar o caso. O vereador informou que irá forma uma comissão de três membros do Legislativo Municipal para verificar de que forma esses serviços estão sendo feitos, qual é a empresa e todas as irregularidades em torno da denúncia.

Veja áudios vazados nas redes sociais sobre os problemas enfrentados na saúde do município Cacoal.




Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem