Ceeja em Cacoal deve atender 1.300 estudantes este ano; matrículas estão abertas até o dia 28


As aulas na rede estadual de ensino começam no dia 09 de fevereiro. Ceeja oferece ensino nas modalidades modular e semestral

Porto Velho, RO - O retorno das aulas do Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (Ceeja) Aida Fibiger, em Cacoal, está marcada para o dia 09 de fevereiro e os servidores já estão nos preparativos para as aulas presenciais. A expectativa da equipe é atender 1.300 estudantes em 2022.

“Sobre o ano letivo de 2022, o Ceeja de Cacoal, está atendendo todas as orientações do Governo do Estado, se prepara para amenizar os impactos da pandemia sobre o ensino. É necessário resgatar os alunos que se afastaram dos estudos, desmotivados pelo formato online. Queremos recuperar o nível de aprendizado e levar o ensino para mais alunos”, destaca a diretora da unidade, Lucilene Gonçalves.

Ao longo dos últimos três anos, diversos investimentos tem sido feitos no Ceeja Aida Fibiger, que ganhou uma nova cara, sendo bastante elogiado por alunos e visitantes. Além da reorganização do espaço estrutural da unidade, como reformas e investimentos em equipamentos e mobiliários, foi feita a implementação e reorganização dos espaços pedagógicos. Entre os equipamentos recebidos pelo Centro de Educação de Jovens e Adultos estão novos aparelhos de ar condicionado, ventiladores, computadores, notebooks, bebedouros, materiais didáticos, laboratórios, datashows, geladeiras, freezer, entre outros. Além disso, frequentemente, o Ceeja recebe ações de sanitização, dedetização e manutenção.

“Os investimentos que recebemos do Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), são de crucial importância para a educação. Tudo que vem é agregado e bem utilizado”, garante a diretora do Ceeja de Cacoal.

VAGAS E MATRÍCULAS

Até o dia 28 de janeiro as matrículas estarão abertas e podem ser feitas na instituição, entre às 7h30 e 12h. Os interessados devem comparecer na secretaria do Ceeja, portando duas fotos 3×4; cópia da certidão de nascimento ou casamento, RG e CPF; cópia do comprovante de residência e histórico escolar. Ressaltando que a idade mínima para ingresso no Ensino Fundamental, pelo Ceeja, é de 15 anos e 18 anos.

Lídia se matriculou no Ceeja de Cacoal e tem boas expectativas para mais esta etapa

“Neste primeiro momento serão abertas 500 vagas, nas modalidades modular e semestral, para que não ocorra aglomeração nas salas de aulas. Posteriormente, após este período de adaptação, vamos ofertar mais vagas. Para este ano, há grande expectativa quanto ao regresso de um número maior de alunos já que, em um primeiro momento, a insegurança fez com que muitos estudantes adiassem o retorno”, ressalta Lucilene Gonçalves.

Em 2021, mesmo pelo formato online, o Ceeja de Cacoal atendeu 900 estudantes e o objetivo agora é oportunizar o ensino para 1.300 jovens e adultos.

Na manhã de terça-feira (18), entre as matrículas realizadas no Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (Ceeja) Aida Fibiger está a de Lídia Ezequiel da Silva. Aos 38 anos de idade, a cabeleireira decidiu concluir mais uma etapa de sua vida. “O que me motivou foi a vontade de cumprir o desafio, vencer, terminar o Ensino Médio! Essa será uma conquista pra mim e estou bastante motivada”, enaltece.
Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem