CONDENADO - Júri condena contratados por filho para matar o pai


Quatro homens simularam um assalto para matar um comerciante sob pagamento de 20 mil reais

Porto Velho, RO - O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca de Porto Velho condenou quatro homens pela morte de um comerciante na Zona Leste da capital. O crime aconteceu em maio de 2019, quando os condenados, contratados pelo filho da vítima, simularam um roubo e mataram a tiros Jucelino Fontenele Magalhães.

O Júri de Antônio Edson Oliveira, Chewdon Jeovane Batista Justiniano Cuellar, Adelson Goes dos Santos e Ualisson Nascimento da Silva durou dois dias e foi presidido pelo juiz Áureo Virgílio Queiroz.

Segundo a sentença de pronúncia, o crime aconteceu durante a madrugada, no Bairro Socialista. Durante o julgamento, os réus confessaram o plano, que teria como vítima o comerciante mediante o pagamento inicialmente de 7 mil reais, mas que, por conta da demora, aumentou para 20 mil.

Todos os quatro foram condenados. Adelson Góes dos Santos recebeu a maior pena: 16 anos de reclusão a ser cumprido em regime inicial fechado em função de dissimulação. Antônio Edson de Oliveira foi condenado a 13 anos, em regime inicialmente fechado.

Outros dois réus, por terem menor participação no crime, tiveram penas menores. Chewdon Jeovane recebeu a pena de 5 anos, e por já ter cumprido mais de 2 anos de prisão, teve regime inicial aberto. Já Ualisson iniciará no regime semiaberto, tendo a condenação de 5 anos e 10 meses.



Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional

Postar um comentário

0 Comentários