Governo de Rondônia destaca resultados apresentados no Mapa da Produção Agropecuária do Estado

 


O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), divulga o Mapa da Produção Agropecuária do Estado do ano de 2020. Os dados são um compilado oficial apresentado à pasta por intermédio da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron), Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater) e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O levantamento reúne as informações mais completas e atualizadas de todo o complexo agropecuário rondoniense, formalizando um ranking entre os 52 municípios.

Porto Velho manteve o primeiro lugar no pódio, preservando a dianteira em culturas como macaxeira, melancia, cupuaçu e arroz. A Capital do Estado também se destaca pela criação de gados de leite e suínos.

Nos demais pontos do mapa, as cidades campeãs se dispersam: Jaru, por exemplo, está no topo em termos de criação de gado de leite. O município também lidera quando o assunto é exclusivamente a produção de leite.





Outros primeiros colocados por cultura/produção:

  • Costa Marques – Urucum;
  • Corumbiara – Soja;
  • Ariquemes – Piscicultura;
  • Alta Floresta d’Oeste – Ovinocultura;
  • Vilhena – Milho / Apicultura;
  • Presidente Médici – Maracujá;
  • Cacoal – Mamão / Avicultura;
  • Espigão d’Oeste – Laranja;
  • São Francisco do Guaporé – Inhame;
  • Alto Paraíso – Guaraná;
  • Alto Alegre dos Parecis – Feijão;
  • Ouro Preto d’Oeste – Cacau;
  • São Miguel do Guaporé – Café;
  • Buritis – Banana;
  • Cujubim – Abacaxi.



Performance de Rondônia no quesito produção de soja também é destaque no Mapa da Produção Agropecuária

Cultivo e produção

Comparado com o último Mapa da Produção Agropecuária de Rondônia, os números atualizados demonstram crescimento de produção em diversas culturas e tipos de criação no setor pecuário.

Em 2018, por exemplo, Rondônia detinha um total de quase 11 milhões de cabeças de gado de corte; agora, o número está chegando à marca 12,3 milhões. O total de bovinos também ascendeu em dois anos, saindo 14,3 milhões para 15,1 milhões.

 PRODUÇÃO20182020
Café136.338 t137.180 t
Soja901.901 t1.187.495 t
Milho735.150 t954.226 t
Arroz109.651 t123.240 t
Cacau4.108 t5.087 t
Abacaxi16.733.848 Frutos24.158.914 Frutos
Piscicultura43.446 t51.617 t
Mamão5.827 t5.849 t
Açaí1.872 t2.263 t

 

Postar um comentário

0 Comentários