Governo de Rondônia prestigia inauguração da nova sede do comando da 17ª Brigada em Porto Velho



Governador Marcos Rocha prestigiou evento de inauguração da nova sede do comando da 17ª Brigada

Com a missão de proteger as fronteiras da Amazônia, o Governo de Rondônia destaca a parceria com o Exército Brasileiro em diversas ações que visam à segurança e combate às ações ilegais e crimes ambientais na Amazônia Ocidental. A estrutura ganha reforço com a inauguração nesta segunda-feira (16) de parte da nova sede do comando da 17ª Brigada de Infantaria e Selva (BIS) no bairro Militar.



Na inauguração teve formatura militar com representantes de todas as companhias que integram o Exercito Brasileiro na Amazônia

O governador Marcos Rocha esteve presente na cerimônia de inauguração e participou da formatura militar juntamente com diversas autoridades, como o comandante Militar da Amazônia, general Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, e o comandante da 17ª BIS general Jorge Augusto Ribeiro Cacho. “Parabenizo o Exército e o governo brasileiro por essas novas instalações. Conhecemos a unidade histórica no Centro da cidade de Porto Velho e agora, com essa nova sede, dando melhor comodidade aos militares que atuam na segurança da Amazônia”, salientou o governador logo após conhecer as novas instalações construídas no bairro Militar, ao lado do 5° Batalhão de Engenharia e Construção (Bec).

O comandante Militar da Amazônia, general Guilherme Theophilo Gaspar de Oliveira, que veio de Manaus para o evento, falou que a “conclusão desta obra é uma epopeia que já passou por vários comandantes e parabenizou a todos os que se esforçaram para realizar o sonho com instalações novas e modernas que pertencem a todos os integrantes do Exército Brasileiro representados pelas delegações que participam da inauguração”.



Nova sede a 17ª BIS conta com quatro pavilhões novos e modernos

O comandante da 17ª BIS, General Jorge Augusto Ribeiro Cacho, destacou em seu discurso “a fase histórica da presença do Exército nessa região da Amazônia Ocidental que remonta ao século XVIII com o Fortim de Nossa Senhora da Conceição, construído em 1860 às margens do rio Guaporé, situado dois quilômetros acima do Forte Príncipe da Beira, que dá nome à Brigada desde 1988 e faz parte do 3º grupamento de fronteira que tem a responsabilidade de manter a integridade do país, numa área de 827 mil km² que engloba os estados de Rondônia, Acre e Sul do Amazonas, totalizando 3.668 km de fronteira e com um efetivo de 5.150 militares entre orgânicos e vinculados”.

Ainda segundo o general, “a nova sede vai reforçar a capacidade de operacionalização e melhorar o gerenciamento administrativo do Exército Brasileiro nessa região da Amazônia Ocidental com todas as unidades do Exército além dos programas estratégicos Amazônia Protegida, Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteira (Sisfom) e Calha Norte que devem migrar totalmente para o novo prédio até 2022 com a conclusão total da obra”.

HISTÓRICO DA OBRA

A construção da nova sede ficou a cargo da Comissão Regional de Obras da 12ª Região Militar em Manaus-AM (CRO/12), subordinada ao 2° Grupamento de Engenharia. A obra iniciou em 2012, com empresa privada contratada, sendo interrompida em 2017, após o fim do contrato com a empresa. Em 2018, as obras foram retomadas de forma parcial, com construções de pavilhões e outras edificações. Para isso, novos contratos foram firmados com empresas privadas, além da união de esforços do 5º Bec, por meio de um Termo de Cooperação firmado.

NOVA SEDE



Governador Marcos Rocha visitou as instalações do Pavilhão Companhia de Comando

O valor total dos recursos próprios da entidade militar investidos na obra não foi revelado. As principais etapas incluem terraplanagem, drenagem profunda e pavimentação pelo 5° BEC. Foram construídos quatro pavilhões.

O Pavilhão Comando tem uma área de 1.785,00 m², local que dá acesso à maioria dos pavilhões, contendo salas de reunião, de videoconferências, gabinete do comandante, acesso a alojamentos e outros. O Pavilhão Centro de Operações com uma área de 1.616,65 m², é composto por dois pavimentos: Pavimento Térreo (circulação externa, saguão de entrada, seções administrativas e banheiros). O Pavilhão Companhia de Comando com área de 3.266,43 m², composto por seções administrativas, sala de instrução, reservas de armamento e material, alojamentos, vestiários e banheiros para oficiais, sargentos, cabos e soldados e o Pavilhão Garagem com área de 2.188,15 m², composto por um pavimento com capacidade para até 78 viaturas militares.

ANTIGA SEDE

De acordo com o general Guilherme Theophilo, “a antiga sede do Comando da 17ª BIS localizada na Avenida Duque de Caxias, bairro Caiari será destinada a implantação do Batalhão de Logística do Exército”, finalizou o comandante militar da Amazônia ao destacar o dia histórico para todos os integrantes da Brigada Príncipe da Beira.

*contém áudio nas palavras destacadas

Fonte: Secom

Postar um comentário

0 Comentários